[Na Prática] Vendo e Capturando Detalhes Que (quase) Ninguém Vê

Esse dia foi interessante, eu tinha UM dia de escala pra ficar em Melbourne enquanto estava viajando das Ilhas Fiji para Malibu na Califórnia.

Uma cidade famosa pelo tempo bom e tudo mais (pelo menos boa parte do ano), resolveu me sacanear me dando de presente um dia inteiro de chuva intermitente hehe…

De saco cheio de esperar pra ver se o tempo melhorava, resolvi arriscar e sair com a câmera mesmo assim.

Legal que logo depois de eu sair do hotel, quando eu estava no meio de um outro parque na cidade, o céu resolveu desabar novamente. Fiquei uns 10 minutos embaixo de um pinheiro bem baixinho e denso olhando as pessoas passarem por mim de guarda-chuvas… imagino o que eles estavam pensando, porque eu parecia que estava escondido pra fazer qualquer outra coisa menos tirar fotos heheh…

Enfim, depois a chuva deu uma trégua e eu andei mais até outro parque…

Na minha caminhada eu não vi nada obviamente fotográfico, então, decidi olhar para os detalhes que sempre passam batidos (literalmente) para muita gente: as folhas e poças de água no chão.

Enquanto estes são estorvos e obstáculos pra uns, são fontes de arte para outros 🙂

Eu acho que a foto passa bem a idéia que eu queria passar que era de um final de outono chuvoso e nostálgico.

Os detalhes técnicos para a foto foram:

  • Câmera Canon 60D
  • Lente Canon 18-135mm
  • F/7.1
  • 1/160
  • ISO 640 (para compensar a falta de tripé e luminosidade da cena)

 

O que você achou?

bannerMasterÉ legal ver como nós fotógrafos e amante desta arte conseguimos ver o mundo em muito mais detalhe do que os “reles mortais”, não é verdade?

Aliás, este é um dos grandes super-poderes dos fotógrafos que mencionei neste artigo aqui que ficou famoso.

Se você quiser a partir de agora começar a tirar as melhores fotos da sua vida e capturar suas experiências e viagens de modo sensacional, embarque com a gente no Curso Master De Fotografia e Pós-processamento oficial do Cara Da Foto. Clique aqui para ver se ele é pra você!

Um grande abraço,

Rodrigo

  • Don Ramón

    Ótima dica e bela foto! Agora, se aceita uma dica, procure não se abrigar mais sob árvores para se proteger da chuva. É perigoso, bem perigoso…